Contato / Chat
LiveZilla Live Help
COREN-RS
Acesso do Profissional

CADASTRE-SE | LEMBRAR SENHA

Acesso à Informação
Página inicial >>> SERVIÇOS >>> Notícias

 versão para impressão

08/02/2012
Santa Rosa: Confirmado caso de dengue importada
Varreduras e outras ações preventivas envolvem o trabalho de 28 agentes da Vigilância em Saúde

As autoridades sanitárias confirmaram o primeiro caso de dengue neste ano em Santa Rosa. Conforme o diretor da Vigilância em Saúde, Antônio Palhano, o caso é importado, pois o paciente esteve em Xavantina, no Mato Grosso, de onde retornou com os sintomas da doença. Palhano destaca que foi realizado um trabalho de bloqueio preventivo, com a aplicação de inseticida na região onde mora a pessoa infectada, para evitar o surgimento do mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue. A Vigilância também fez busca nas redondezas, com o objetivo de identificar se havia mais algum morador com sintomas.

Em 2011, foram registradas 288 notificações de suspeita da doença no município da região Noroeste do Estado, dos quais 162 foram confirmados. Neste ano já houve 11 notificações, com o envio de amostras de sangue para análise do Laboratório Central do Estado, em Porto Alegre. Até agora há apenas uma confirmação. O índice parcial de infestação do mosquito Aedes aegypti no município é de 1,8% (o máximo deve ser de 1%, conforme o Ministério da Saúde).

Palhano afirma que as ações no combate ao mosquito são intensas. "Realizamos limpeza em áreas públicas, reunindo mutirões nas vilas da cidade. Nossas equipes de endemias trabalham no combate ao mosquito, orientando e conscientizando as comunidades por meio de campanhas e distribuição de material informativo." Ele também alerta a população para que ajude na eliminação de criadouros, promova o recolhimento de lixo e tenha o cuidado para não deixar água parada nos pratos dos vasos de flores nem manter abertas cisternas e piscinas.

Atuam nas ações preventivas 28 agentes. Cada um realiza, em média, 35 visitas por dia. Nos próximos dias deverá somar-se à equipe um supervisor de campo e apoio para notificar os proprietários de imóveis em que forem encontradas larvas do mosquito. Na segunda semana após o início do ano letivo, a Vigilância em Saúde desenvolverá um trabalho de conscientização nas escolas da rede municipal.
Fonte: Correio Do Povo – Cidades, 8/2/2012

Compartilhe esta notícia com outras pessoas:

Outras noticias

08/08/2022
Coren-RS na Área realiza 76 atendimentos em Canoas


05/08/2022
Coren-RS prestigia inauguração do curso técnico de Enfermagem do Senac de Santa Maria


05/08/2022
Coren presente em audiência pública sobre projeto que trata sobre atuação de doulas, em Santa Maria


04/08/2022
Governo sanciona Piso Salarial da Enfermagem, mas com veto sobre reajuste anual


 
 
Atendimento apenas por agendamento prévio. Clique aqui para agendar seu horário.
Av. Plínio Brasil Milano, 1155 - Bairro Higienópolis - Porto Alegre/RS - CEP 90520-002 - Fone (51) 3378.5500
©2016 - COREN-RS - Desenvolvido pela Assessoria de Tecnologia da Informação do COREN-RS