Contato / Chat
LiveZilla Live Help
COREN-RS
Acesso do Profissional

CADASTRE-SE | LEMBRAR SENHA

Acesso à Informação
Página inicial >>> SERVIÇOS >>> Notícias

 versão para impressão

07/08/2018
Comissão de Direitos Humanos cria Grupo de Trabalho sobre violência contra a Enfermagem


As situações de violência que atingem as(os) profissionais da Enfermagem serão tema de um grupo de trabalho ligado à Comissão de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH) da Assembleia Legislativa (ALRS). A proposta é resultado da audiência pública, realizada em 06 de agosto, em Porto Alegre, e tem como objetivo recolher informações e apresentar sugestões de medidas concretas para enfrentar o problema.

O presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Rio Grande do Sul (Coren-RS), Daniel Menezes de Souza, ressaltou a importância de manter o debate e buscar diálogo com a sociedade. Ele lembrou a importância de produzir e centralizar dados e a necessidade de desenvolver protocolos que evitem conflitos e orientem as(os) profissionais a agir com segurança em casos de violência.

“Precisamos de medidas emergenciais e um protocolo específico de orientação. Os empregadores devem se comprometer a agir e amparar os profissionais que são vítimas dessa violência”, disse Daniel.

A audiência pública foi uma iniciativa do Coren-RS junto à CCDH e reuniu representantes de entidades sindicais, gestores e parlamentares preocupados com o tema. Estiveram Milton Kempfer, presidente da Feessers, Estêvão Finger, presidente do Sindicato dos Enfermeiros do RS (Sergs), Bianca DCarla, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Pelotas, Arlindo Ritter, presidente do Sindisaúde-RS, Luis Gustavo de Souza, superintendente técnico de relações institucionais da Famurs, Cristiane Paim DÁvila Bandeira, advogada e representante da Federação das Santas Casas. Participaram ainda a presidente da ABEn-RS, Iride Caberlon, Ricardo Haesbaert, representando o deputado estadual Valdeci Oliveira, e Karine Fernandes, da Associação dos Servidores do Grupo Hospitalar Conceição. 

Durante o encontro, as(os) participantes relataram situações do cotidiano da categoria e apontaram a ausência de protocolos que garantam a segurança das(os) profissionais no ambiente de trabalho. A falta de investimentos no Sistema Único de Saúde (SUS) e o congelamento do orçamento federal para o setor foram apontados como uma das causas do problema.

“Parte desta violência é gerada pelo desfinanciamento do SUS. Quem paga essa conta é o usuário e o profissional que adoece e está mais sujeito a falhas no trabalho”, disse Daniel.

Vídeo coloca o tema em debate
Durante a audiência, o Coren-RS lançou um vídeo institucional que faz parte de uma campanha sobre a violência nos locais de trabalho da Enfermagem. A peça de pouco mais de cinco minutos traz depoimentos de duas profissionais e apresenta dados sobre o problema. O vídeo é uma iniciativa do Coren-RS para sensibilizar a sociedade sobre as condições de trabalho da Enfermagem e abrir canais de diálogo para a categoria.

Produzido pela Cinematográfica, o vídeo teve produção da equipe de Comunicação do Coren-RS e acompanhamento da Agência Veraz. A campanha também inclui um informativo em papel sobre o assunto que será disponibilizado para a categoria. 

O presidente do Coren-RS entregou ao presidente da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos, deputado Jeferson Fernandes, um dossiê com casos recolhidos pela Ouvidoria do Conselho e pelo Sergs. O deputado recebeu o documento e prometeu incluir os casos no próximo Relatório Azul, assim como sinalizou sua disposição em distribuir o material informativo do Conselho a outros parlamentares. 

Fonte: Assessoria de Comunicação Coren-RS

Compartilhe esta notícia com outras pessoas:

Outras noticias

11/06/2021
Coronavírus: Coren-RS participa de reunião sobre novo modelo de distanciamento adotado no Estado


11/06/2021
CORONAVÍRUS: REPRESENTANTES DO RS NA FORÇA NACIONAL DE FISCALIZAÇÃO RELATAM INADEQUAÇÕES EM SERGIPE


11/06/2021
Coronavírus: pessoas vacinadas devem manter o uso de máscaras


09/06/2021
Presidente da Assembleia Legislativa garante apoio ao Piso Salarial


 
 
Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira das 10h às 16h sem fechar ao meio-dia
Av. Plínio Brasil Milano, 1155 - Bairro Higienópolis - Porto Alegre/RS - CEP 90520-002 - Fone (51) 3378.5500
©2016 - COREN-RS - Desenvolvido pela Assessoria de Tecnologia da Informação do COREN-RS